Com sua história e arquitetura, Roma com certeza é uma ótima locação para cenas de filmes. Quem nunca foi à cidade e pretende visitá-la um dia pode conhecê-la através do cinema. Ou mesmo quem já foi a Roma, assistir alguns desses filmes é relembrar o quanto essa cidade é bonita.  Selecionamos 6 lugares imperdíveis que já serviram como cenário para as tramas da telona.

LA BOCCA DELLA VERITÀ

roman-rolidayComeço por esse que não é um dos monumentos mais visitados de Roma, mas eu não podia deixar de conhecê-lo. Isso porque um dos filmes mais legais da era de ouro do cinema, A princesa e o plebeu (Roman Holiday), que já vi algumas vezes, teve um das cenas importantes rodadas ali. La Bocca della Verità (Boca da Verdade) é uma imagem em forma humana esculpida em uma pedra de mármore de origem incerta. Alguns pensam que seria parte de uma fonte da cidade, outros dizem ser apenas a tampa de um bueiro.

only_youMas incertezas a parte, o certo é que sua fama deve-se ao fato da imagem ser um detector de mentiras. Desde a Idade Média, acredita-se que se alguém contar uma mentira com a mão na boca da escultura, ela se fecharia “mordendo” a mão do mentiroso. No filme, as personagens de Audrey Hepburn (que ganhou o Oscar de melhor atriz por esse papel) e Gregory Peck testam a fidelidade ali. A história se repete no filme Só você (Only you), estrelado por Marisa Tomei e Robert Downey Jr. Verdade ou não, eu fui lá colocar a minha mão. A imagem fica dentro da Igreja de Santa Maria in Cosmedin.

PIAZZA DEL POPOLO

angels_demons09A praça é um dos pontos mais importantes da cidade, onde ocorrem manifestações e grande eventos culturais. Ali estão fontes e até um obelisco egípcio construído no tempo dos faraós Ramsés II e Merneptá, 1200 anos a.C., que foi trazido para Roma pelo imperador Augusto para ornamentar inicialmente o Circo Máximo. Quem assistiu ao filme Anjos e demônios (Angels & Demons), baseado no romance de Dan Brown e estrelado por Tom Hanks, consegue ter uma noção do lugar. Na história, o professor vivido pelo ator vai buscar descobrir onde estão os bispos da igreja católica sequestrados às vésperas do Conclave para a escolha do novo Papa.

Na praça há três importantes igrejas. A maior delas, a de Santa Maria del Popolo, foi erguida onde o imperador Nero morreu e foi sepultado. Fica ao lado do Portal del Popolo, principal de entrada da praça. As outras duas igrejas ficam do outro lado, e são gêmeas, sendo igualmente simétricas, as chamadas Santa Maria in Montesanto e Santa Maria dei Miracoli (dos Milagres). Elas foram construídas entre as três vias que dão acesso à praça, no famoso tridente formado pela Via del Corso, Via del Babuino e Via Ripetta.

CASTEL SANT’ANGELO

castel-santangeloO castelo também é um dos cenários do filme Anjos e demônios. Com mais de 2000 anos de construção, o local foi erguido para ser o mausoléu do imperador Adriano (conhecido pelo seu amor às artes). Depois disso, foi quartel militar (que levou a saques e destruição de parte do castelo), residência de nobres da cidade, além de servir de moradia papal durante algum tempo. Foi nesse período que o papa Orsini – Nicolò III – ordenou a construção de uma passagem secreta que ligava o castelo ao Vaticano. Quem visita o castelo consegue ver a entrada dessa passagem.

Hoje, o Castel Sant’Angelo é um museu que pode ser visitados todos os dias. A entrada custa €13,50. Durante a visita é possível ver esculturas, ambientes decorados, prisões e armamentos bélicos e o mausoléu do imperador. Há um restaurante no piso superior. Aliás, no alto do castelo é possível ter uma bela vista da cidade, inclusive do Vaticano e de sua Igreja de São Pedro.

CAMPIDOGLIO E SEUS MUSEUS

Piazza del Campidoglio or Campidoglio square. Rome, ItalyO monte Capitolino é uma das sete colinas de Roma, local onde Rômulo, fundador da cidade, construiu sua casa. Ali se encontram alguns prédios importantes entorno da praça remodulada por Michelangelo. A estrutura da praça é tema de um dos diálogos do filme Para Roma como amor (To Rome with Love), de Woody Allen. Aliás, o filme traz cenas bonitas por algumas regiões da cidade. Entre os edifícios estão a sede da prefeitura de Roma e dos Museus Capitolinos. Na verdade, a praça é formada por um conjunto de palácios que foram os museus, entre os mais importantes estão o Palazzo Senatorio (sede da prefeitura), Palazzo dei Conservatori (primeira sede dos museus) e o Palazzo Nuovo (interligado por um túnel subterrâneo ao Pallazo dei Conservatori).

A coleção de obras dos museus é formidável. Esculturas, quadros de Caravaggio, Tiziano e Rubens, e peças do cotidiano formam o acervo que contam um pouco da história da civilização romana e de suas artes. Na lateral do edifício da Prefeitura está também uma cópia da Lupa Capitolina, que remete à lenda da fundação de Roma, com a loba que alimenta os irmãos Rômulo e Remo. A imagem original fica no museu. Quem adquire o Roma Pass tem acesso gratuito aos museus. Caso contrário terá de desembolsar € 14,00 para ter acesso a eles.

PIAZZA DI SPAGNA 

talentoso ripleyEsse é um dos lugares bastante visitados na cidade e lógico serviu de locação para alguns filmes, entre eles O Talentoso Ripley (The Talented Mr. Ripley), dirigido por Anthony Minghella, tendo Matt Damon no papel título, e Para Roma como amor, já citado, cuja cena final ocorre ali.  Na praça existe uma fonte, conhecida como Barcaccia, em formato de embarcação. Conta-se que antes de construírem as paredes ao longo do leito do rio Tibre, as águas costumavam inundar a região.

Em uma dessas enchentes, que deixou a Piazza di Spagna pelo menos um metro debaixo d’água, um barco ficou encalhado ali. Logo depois, o Papa Urbano VIII pediu que Bernini construísse a fonte. Recentemente foi restaurada e mais uma vez depredada em uma manifestação ocorrida no local. A fonte jorra água que pode ser consumida.

Na praça também fica a belíssima Coluna da Imaculada Conceição, além de uma concorrida escadaria que leva até a Igreja Trinità dei Monti, em estilo renascentista. Em frente ao templo está o Obelisco Salustiano. Do alto da escadaria se tem uma vista do horizonte de Roma. Aproveite para descansar ali, se consegui um lugarzinho em algum degrau.

FONTANA DI TREVI

three-coins-in-the-fountainA fonte mais famosa de Roma não poderia ficar fora dessa lista. Cenário frequente de quase todos os filmes citados neste post, a Fontana di Trevi exala romantismo e magia. As pessoas que costumam frequentar o lugar jogam moedas na esperança de que seus desejos sejam realizados. Aliás, esse é o mote do filme A fonte dos desejos (Three Coins in the Fountain), de Jean Negulesco, que ganhou Oscar de melhor Canção e melhor Fotografia.

La Dolce VitaA fonte também aparece no filme A doce vida (La Dolce Vita), de Federico Fellini, que tem uma das cenas mais icônicas do cinema mundial: o banho das personagens de Anita Ekberg e Marcello Mastroianni. Depois disso, muitos casais apaixonados tentaram refazer a cena. Hoje é proibido entrar na fonte por questão de ordem pública. Quem o faz, leva multa. Por isso, quando for a Roma, prefira tomar banho no hotel.

E você, já visitou esses lugares ou tem curiosidade de conhecê-los? Deixe seu comentário. E aproveite siga o blog nas redes sociais.

Instagram: https://www.instagram.com/roteirospossiveis/
Facebook: https://www.facebook.com/roteirospossiveis/
Twitter: https://twitter.com/blogroteirospos/

As imagens foram reproduzidas da internet.

 

 

Anúncios