Escolher o local para se hospedar em uma viagem é sempre uma dificuldade. Mas felizmente sempre tive sorte nas minhas escolhas. Em Beagá não foi diferente. Dentre as opções que eu tinha, fiquei com o Adrena Sport Hostel. Três motivos me levaram a ficar com ele. A localização, o preço e as instalações. Vamos falar de um por um.

Já seguiu o @roteirospossiveis no Instagram?

A LOCALIZAÇÃO – É sempre bom escolher um hostel bem localizado, porque sua estada será bem mais proveitosa. As regiões centrais são sempre mais baratas e dão acesso fácil a muitos pontos de interesse em uma cidade. Por outro lado, à noite ou nos finais de semana podem ser muito ruim, já que regiões centrais ficam mais vazias e perigosas nesses momentos. Os bairros mais nobres e residenciais talvez sejam uma opção mais interessante, apesar do preço ser relativamente mais caro. Contudo, a movimentação nessas regiões acontece até altas horas.

O Adrena Sport Hostel foi uma das melhores opções que o Booking nos deu. O albergue fica na Av. Getúlio Vargas, no bairro Savassi – como já havia mencionado em outros posts por aqui -, um dos mais badalados da capital mineira. A região é bem servida de transporte, visto que a avenida é uma das principais do bairro, tendo acesso à Av. Contorno, um cinturão que facilita o deslocamento pela cidade. Há um ponto de ônibus em frente ao hostel. Em seu entorno encontram-se muitos lugares para comer, como a famosa A Pão de Queijaria (leia nossas impressões sobre ela aqui), e bares descolados como o Beb’s Bar, por onde curtimos uma das noites. Ainda há shoppings e supermercados próximos.

O PREÇO / CUSTO-BENEFÍCIO – Viajamos durante um feriado prolongado. Não sei se por isso, ou não, mas encontramos um preço bem camarada. Pagamos R$ 40 a diária. Bem justo, não é? E vendo a estrutura e a localização do hostel, valeu muuuito a pena. Sem falar do staff do local. Um povo muito gentil e solícito. Entre eles o Paulo, que nos deu dicas preciosas para aproveitar a cidade.

roteirospossiveis99AS INSTALAÇÕES – O Adrena Sport Hostel fica atrás de uma loja de equipamentos de esportes radicais que leva o mesmo nome. E por isso mesmo, o hostel tem essa pegada aventureira. Os quartos são temáticos, com móveis e elementos decorativos que remontam a esportes radicais como mountain bike, voo livre, escalada, trekking, stand up paddle e skate (no qual eu fiquei). A maioria deles tem banheiro privativo. Havia ainda outro lavabo no corredor que era utilizado por todos os hóspedes.  Os armários eram grandes e possuíam chaves. As camas confortáveis, com luzes individuais e tomadas de cabeceira que facilitam a vida de qualquer viajante.

roteirospossiveis100O hostel tem um pátio com mesa e cadeiras para convivência entre os hóspedes (para onde dava a janela do quarto que fiquei), uma salinha menor entre os quartos do primeiro andar, além de um salão com sofá e televisão com TV a cabo. A cozinha é bem equipada. Na recepção do hostel eles havia uma geladeira com refrigerantes e água. O espaço que ficava no fundo do albergue foi arrendado por alguns amigos do proprietário. Lá funcionava um bar/hamburgueria. Era nesse local em que serviam o café da manhã aos hospedes. Era um bom café: leite, achocolatado, frutas, pão francês e de forma, presunto, queijo, café e bolachas.

roteirospossiveis101PONTOS NEGATIVOS – Talvez o único problema do local é a escada que dá acesso ao hostel. Como ele fica no pavimento superior do imóvel, tendo em vista que a loja ocupa o térreo, quem tem malas pesadas terá de fazer um esforço maior para carregá-las. Mas esse vai ser o menor dos problemas diante da beleza dessa cidade.

Adrena Sport Hostel – Av. Getúlio Vargas, 1635 A – Savassi – Belo Horizonte / http://www.adrenasporthostel.com.br/#home

Anúncios